Comissão de Administração Pública aprova pareceres de 7 Projetos de Lei

JRaposo | REDE CÂMARA

Reunião ordinária da Comissão de Administração Pública desta quarta-feira (6/10)

IARA SILVA
HOME OFFICE

A Comissão de Administração Pública debateu e aprovou, em reunião ordinária na tarde desta quarta-feira (6/10), pareceres de 7 PLs (Projetos de Lei).

Entre as matérias está PL 601/2018, de autoria da vereadora Edir Sales (PSD), que trata da criação e implantação de um Centro Transitório de Acolhimento de Animais Domésticos resgatados. Os locais terão prazo máximo de permanência de três meses, para que protetores que fizeram o resgate possam encontrar adotantes para os animais. No fim do prazo, o protetor deverá levá-lo para outro local para que a vaga seja ocupada por outro animal.

Ainda durante a reunião, os vereadores aprovaram o parecer do PL 80/2021, que inclui idosos em situação de vulnerabilidade social como beneficiários da Renda Básica Emergencial, prevista na Lei nº 17.504, de 11 de novembro de 2020. A proposta tem como autor o vereador Eli Corrêa (DEM), com coautoria dos vereadores Professor Toninho Vespoli (PSOL) e Faria de Sá (PP).

Os vereadores também discutiram um projeto que havia sido adiado em reuniões passadas, o PL 553/2018, de autoria da vereadora Rute Costa (PSDB), que dispõe sobre a pontuação das honrarias para promoção vertical na carreira de GCMs (Guardas Civis Municipais). A Comissão aprovou o parecer favorável, dado pela relatora vereadora Edir Sales (PSD), ao substitutivo da CCJ (Comissão de Constituição, Justiça e Legislação Participativa).

A reunião foi conduzida pelo presidente do colegiado, vereador Gilson Barreto (PSDB), e contou com a participação dos vereadores Arselino Tatto (PT), Edir Sales (PSD), Erika Hilton (PSOL), George Hato (MDB), Milton Ferreira (DEM) e Roberto Tripoli (PV).

Clique aqui e assista à íntegra da reunião. Confira aqui a pauta completa.

 

Este é um espaço de livre manifestação. É dedicado apenas para comentários e opiniões sobre as matérias do Portal da Câmara. Sua contribuição será registrada desde que esteja em acordo com nossas regras de boa convivência digital e políticas de privacidade.

Nesse espaço não há respostas - somente comentários. Em caso de dúvidas, reclamações ou manifestações que necessitem de resposta clique aqui e fale com a Ouvidoria da Câmara Municipal de São Paulo.

 Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também