Vereadores prestam homenagens ao prefeito Bruno Covas

MARCO CALEJO
HOME OFFICE

Após a confirmação da morte de Bruno Covas, na manhã deste domingo (16/5), milhares de pessoas do Brasil inteiro prestaram homenagens ao prefeito. Por meio das redes sociais, vereadores da Câmara Municipal de São Paulo e outras autoridades políticas se solidarizaram com a família e os amigos.

Presidente da Câmara

Em nota oficial, o presidente da Câmara Municipal de São Paulo, vereador Milton Leite (DEM), disse que a morte de Bruno “representa uma lacuna irreparável para São Paulo e para todo o Brasil”. O chefe do Parlamento paulistano também utilizou a mídia digital para homenagear Covas.

“Você tinha muitos planos. Tinha a coragem dos grandes. Nossa amizade será eterna, assim como sua memória. Descanse em paz, meu amigo Bruno”, postou o presidente da Câmara. 

Manifestação de vereadores

O líder do governo na Câmara, vereador Fabio Riva (PSDB), se manifestou dizendo que Bruno Covas é um “exemplo de força, coragem e garra. Mesmo doente, Bruno trabalhou todos os dias e mostrou para todos nós o verdadeiro sentido de servir ao próximo e cuidar das pessoas”.

O líder da bancada do PT na Câmara, vereador Eduardo Suplicy (PT), prestou condolências aos familiares, secretários municipais e vereadores da base do governo. Suplicy também se solidarizou com o filho de Bruno. “A seu filho, o jovem Tomás Covas Lopes, ofereço minha solidariedade por essa perda dura e tão precoce”. 

A vereadora Janaína Lima (NOVO), líder do partido NOVO na Casa, postou nas redes sociais uma mensagem de apoio à família e escreveu sobre o Bruno. “Homem honrado, foi implacável ao lutar pela sua vida e pela dos paulistanos, pois jamais deixou de lado as obrigações de sue cargo”. 

Para o líder do PL na Câmara, vereador Isac Félix (PL), Bruno foi “guerreiro e sonhador”. O parlamentar postou uma foto com Covas. “Querido prefeito, que Deus o tenha e conforte o coração de todos os colegas, apoiadores, amigos e familiares”. 

Líder do Patriota na Casa, o vereador Rubinho Nunes (PATRIOTA) se solidarizou com a morte do prefeito. “Que seus momentos e lembranças felizes sejam um acalento para toda a sua família”.

Manifestação de respeito também postada pelo líder do bloco PODEMOS-SOLIDARIEDADE-PP na Câmara, vereador Milton Ferreira (PODEMOS). “Lamento profundamente o falecimento do prefeito Bruno Covas que lutava contra o câncer”.

Em uma página das redes sociais, o líder do PSB, vereador Camilo Cristófaro (PSB), escreveu sobre Bruno Covas. “Sua vontade de viver foi admirável. Vá em paz bruno Covas”. 

O vereador Xexéu Tripoli (PSDB), líder da bancada do PSDB na Câmara, disse nas redes que se despede um amigo e que a cidade perde uma liderança. “Além de inteligente, coerente, nosso prefeito sempre foi um ser gentil e ético, mas nunca dramático”. Em nome dos parlamentares tucanos, Xexéu postou. “As boas lembranças seguem guardadas em nossos corações. Deixamos aqui também um abraço fraterno para o Tomás, Renata, Gustavo, Pedro e demais familiares Bruno, obrigado por tudo, amigo. Diante de tantos bons exemplos que você nos deu, seguiremos seu legado”.

A vereadora Luana Alves (PSOL), líder do partido na Casa, divulgou uma nota de pesar desejando “força e solidariedade aos familiares e amigos de Bruno Covas”. A parlamentar disse ainda que “independente de divergências políticas, a morte precoce de qualquer pessoa é muito triste”.

No início da tarde, o líder do REPUBLICANOS na Câmara, vereador André Santos (REPUBLICANOS), escreveu que foi “com muito pesar que recebo a notícia do falecimento do prefeito de São Paulo e colega de trabalho Bruno Covas. Que Deus conforte toda a família”.

Em um dos trechos do texto publicado pela vereadora Edir Sales (PSD), líder do bloco PSD-PSC na Câmara, Bruno Covas era “um ser humano fácil de convier, que me recebia todas as vezes com um grande sorriso no rosto e, mesmo muito jovem, sempre soube liderar sua equipe e inspirar as pessoas que caminhavam ao seu lado”. 

O vereador Fernando Holiday (sem partido) também prestou homenagem ao aos familiares do prefeito. O parlamentar destacou a admiração “pela luta e resiliência que teve diante da doença. Tornou-se um exemplo nesse sentido e permaneceu forte até o último momento”. 

Em nota publicada na rede social, o vereador Paulo Frange (PTB) falou sobre a morte de Bruno Covas. “Adeus meu amigo Bruno Covas.  Descanse em paz. Aqui seu legado jamais será esquecido. Os exemplos ficarão para nortear novas gerações. Não há palavras nesse momento para traduzir nosso sentimento. Junto com muitos outros, levaremos adiante seus sonhos”. 

Também por meio das redes sociais, O vereador Marcelo Messias (MDB) ressaltou a luta de Covas. “Assistido  por médicos e pelo filho Tomás Covas, Bruno Covas nunca perdeu a esperança e batalhou até o fim”. 

Governador do Estado de São Paulo

Bruno Covas foi velado na sede da Prefeitura de São Paulo. Após a cerimônia, o governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), concedeu entrevista e lamentou a perda.

“Um grande pai, um grande filho e um grande amigo. É triste ter a perda de alguém que com 41 anos de idade parte para outra vida. Ele deixa um grande legado. O legado da decência, da honestidade, da fraternidade, da paz, de equilíbrio e da bondade. Legado também da defesa da democracia, dos mais pobres, dos mais humildes e dos vulneráveis”, disse João Doria.

Este é um espaço de livre manifestação. É dedicado apenas para comentários e opiniões sobre as matérias do Portal da Câmara. Sua contribuição será registrada desde que esteja em acordo com nossas regras de boa convivência digital e políticas de privacidade.

Nesse espaço não há respostas - somente comentários. Em caso de dúvidas, reclamações ou manifestações que necessitem de resposta clique aqui e fale com a Ouvidoria da Câmara Municipal de São Paulo.

 Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também