Velhice não é Doença será tema de Audiência Pública na Comissão do Idoso

CAROL FLORES
HOME OFFICE

A Comissão Extraordinária do Idoso e Assistência Social da Câmara Municipal de São Paulo irá realizar Audiência Pública virtual na próxima terça-feira (21/9), às 11h, para discutir a proposta da OMS (Organização Mundial da Saúde) de inclusão da velhice no CID (Classificação Internacional de Doenças). O debate atende requerimento do vereador Eli Corrêa (DEM).

No documento, o parlamentar justifica que a população idosa já é vítima de preconceito em decorrência da idade, e que a inclusão da velhice na classificação de doenças tem grande potencial de ampliar o preconceito contra a pessoa idosa por desconsiderar que o envelhecimento é processo natural da vida. O autor ainda argumenta que o Conselho Nacional de Saúde recomenda ações contrárias à inclusão do termo velhice na CID11.

O requerimento pede que sejam convidados para o debate Renato Souza Cintra, coordenador da Coordenação de Política para Pessoa Idosa da Secretária Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo, Sandra Regina Gomes, especialista em Gerontologia e a presidente do Grande Conselho Municipal do Idoso, Neide Duque.

Participação e Transmissão

Munícipes interessados podem participar em tempo real por videoconferência. Para isto, é necessário fazer inscrição neste link. Também são aceitas manifestações ou sugestões por escrito, enviadas por meio deste formulário.

O debate será transmitido, ao vivo, pelo Portal da Câmara, na página do Auditório Virtual 1, e pelas redes sociais do Legislativo paulistano, como o canal da Câmara no YouTube.

 

Serviço:
Audiência Pública virtual da Comissão Extraordinária do Idoso e de Assistência Social
Tema: Velhice Não é Doença
Data: 21/9
Horário: 11h
Local: Auditório Virtual 1
Informações: idoso_assistenciasocial@saopaulo.sp.leg.br

Este é um espaço de livre manifestação. É dedicado apenas para comentários e opiniões sobre as matérias do Portal da Câmara. Sua contribuição será registrada desde que esteja em acordo com nossas regras de boa convivência digital e políticas de privacidade.

Nesse espaço não há respostas - somente comentários. Em caso de dúvidas, reclamações ou manifestações que necessitem de resposta clique aqui e fale com a Ouvidoria da Câmara Municipal de São Paulo.

 Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também