Vereadores representam Câmara de SP na assinatura do protocolo de reabertura dos shoppings centers

Leon Rodrigues/SECOM PMSP

Vereadores representam Câmara de SP na assinatura do protocolo de reabertura dos shoppings centers

MARCO CALEJO
HOME OFFICE

Os shoppings centers da capital paulista receberam autorização, nesta quarta-feira (10/6), para retomarem as atividades de maneira segura. O presidente da Câmara Municipal de São Paulo, vereador Eduardo Tuma (PSDB), participou da assinatura do termo de compromisso ao lado do prefeito Bruno Covas (PSDB).

O protocolo foi firmado na sede da Prefeitura de São Paulo, entre o Executivo Municipal e as cinco entidades que representaram o comércio varejista dos shoppings centers. A retomada dos trabalhos está prevista no Plano São Paulo do Governo do Estado, que classificou a capital paulista na fase laranja (fase 2).

Com a assinatura do termo, os shoppings poderão abrir as portas nesta quinta-feira (11/6). Conforme prevê o plano gradual de flexibilização, além de seguir as regras de higiene, o setor terá que respeitar o horário de funcionamento reduzido.

Os shoppings poderão funcionar das 6 horas às 10 horas ou das 16 horas às 20 horas. As lojas deverão seguir o horário escolhido pelos estabelecimentos e adotar os mesmos critérios de higienização e de atendimento determinados para o comércio de rua.

O presidente da Casa, vereador Eduardo Tuma, destacou os trabalhos da Prefeitura no enfrentamento à Covid-19 e na condução da retomada econômica da capital paulista. Tuma também mencionou os vereadores da Câmara Municipal de São Paulo.

“Parabenizar o prefeito, não só pelo combate ao coronavírus na cidade de São Paulo, mas também na retomada econômica de forma bastante responsável”, disse Tuma, que concluiu. “Agradeço, por fim, aos secretários municipais e à (secretaria da) Casa Civil, por atender a demanda dos vereadores. Em nome de vocês, agradeço à Câmara Municipal”.

O prefeito Bruno Covas falou sobre a reabertura gradual dos setores econômicos na cidade e a importância dos protocolos para que haja segurança neste processo de retomada.

“A expectativa da Prefeitura é que com esses protocolos a gente reabra com a segurança necessária para continuar a melhorar os índices na cidade de São Paulo. Ao longo das últimas três semanas, a gente vive um período de estabilização da pandemia, o que permitiu a Prefeitura discutir essa reabertura”, falou Covas.

O chefe do Executivo voltou a falar que a capital continua em quarentena e que todas as medidas de proteção são essenciais para a cidade não retroceder. Covas também fez menção à vereadores da Câmara de SP. “Quero agradecer a presença do vereador Eduardo Tuma. Cumprimento também os vereadores aqui presentes, que têm colaborado com a Prefeitura no diálogo com os setores produtivos”.

Além de Tuma, participaram da assinatura dos protocolos os vereadores Fabio Riva (PSDB) e João Jorge (PSDB).

Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também