Câmara de SP realiza sessão solene em memória de trabalhadores mortos pela Covid-19

Afonso Braga | REDE CÂMARA

Sessão Solene virtual desta quinta-feira (25/3) em homenagem aos trabalhadores que morreram durante o combate à Covid

KAMILA MARINHO
HOME OFFICE

Nesta quinta-feira (25/3), a Câmara Municipal realizou uma Sessão Solene virtual em referência ao próximo dia 27 de março, data em que se homenageia a memória dos trabalhadores que morreram durante o combate ao coronavírus na cidade de São Paulo.

O proponente da solenidade foi o vereador Eduardo Suplicy (PT). “Agradeço a oportunidade de homenagear a todos os mortos que faleceram em consequência da Covid-19. Em especial aqueles que são da linha de frente e os trabalhadores da área da Saúde”, pontuou Suplicy.

Composição da mesa e dispositivo virtual

Os trabalhos foram conduzidos, com transmissão a partir do Plenário 1º de Maio, pelo vereador Alfredinho (PT).  “ A gente precisa ter esperança e continuar lutando para voltarmos a ter uma vida normal e em nome de todas essas pessoas que perderam suas vidas”, pediu o presidente da sessão.

Participaram da solenidade de forma remota:

– A secretária municipal de Segurança Urbana, Elza Paulina De Souza, representando o prefeito Bruno Covas;

– Érika Dória dos Santos, subchefe de gabinete da defensoria Pública-Geral do Estado de São Paulo;

– Ivan Cáceres, coordenador da área de assessoria parlamentar da Secretaria Municipal da Saúde;

– Sérgio Antiqueira, presidente do SINDSEP (Sindicato Dos Trabalhadores Na Administração Pública E Autarquias Do Município De São Paulo);

– Cleonice Ferreira Ribeiro, presidente do SindiSaúde-SP (Sindicato dos Trabalhadores Públicos da Saúde no Estado de São Paulo);

– Solange Caetano, presidente do SEESP (Sindicato dos Enfermeiros do Estado de São Paulo);

– O ex-vereador Caio Miranda Carneiro (DEM).

Parlamentares

Vereadoras e vereadores da bancada do PT, PSOL e Republicanos participaram das homenagens de forma virtual.

Segundo o vereador Alessandro Guedes (PT) esse é um dia importante de reflexão. “As famílias não podem dar um sepultamento digno, não podem ter contato. É muito sofrimento! Presto aqui minha consideração e pêsames a todos que estão sofrendo”, lamentou Alessandro.

Para o vereador Sansão Pereira (REPUBLICANOS), em meio a tantas perdas, o momento é de união. “Quero me solidarizar com todos os familiares que perderam seus entes queridos para essa pandemia que está desolando famílias do mundo inteiro. Que venhamos dar as mãos para encontrarmos logo uma solução para vencermos esse momento tão difícil”, comentou Sansão.

A vereadora Silvia da Bancada Feminista (PSOL) lamentou as mortes de tantos trabalhadores que não tiveram a opção de ficar em casa. “Fico bastante consternada pelos trabalhadores que estão na linha de frente e precisaram se expor ao vírus e perderam suas vidas. Quero homenagear, principalmente, os profissionais da Educação”, salientou Silvia.

A vereadora Elaine do Quilombo Periférico (PSOL) observou que o mais importante nesse momento de luto é a batalha pela vida. “Hoje nós estamos aqui para pensarmos nas pessoas que se foram e nas famílias dessas pessoas. E, o quanto isso muda o rumo de nossa cidade, o quanto isso muda o rumo de tantas famílias e de como a gente deve se portar como agentes políticos dessa cidade. Como a gente deve pensar como as vidas e essas famílias devem ser nossas prioridades”, observou.

O vereador Celso Giannazi (PSOL) observou que estamos vivendo a maior crise sanitária de todos os tempos e a homenagem às vítimas fatais é de fundamental importância e respeito. “Em São Paulo mais de 30 mil pessoas perderam suas vidas, muitas delas servidores públicos que estavam na linha de frente no combate à Covid-19”.

Clique aqui para assistir à solenidade na íntegra.

Este é um espaço de livre manifestação. É dedicado apenas para comentários e opiniões sobre as matérias do Portal da Câmara. Sua contribuição será registrada desde que esteja em acordo com nossas regras de boa convivência digital e políticas de privacidade.

Nesse espaço não há respostas - somente comentários. Em caso de dúvidas, reclamações ou manifestações que necessitem de resposta clique aqui e fale com a Ouvidoria da Câmara Municipal de São Paulo.

 Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também