PL sugere regras para entrada de empresas prestadoras de serviço em condomínios

DA REDAÇÃO

Voltado ao combate de assaltos dentro de condomínios residenciais e comerciais, o Projeto de Lei (PL 294/2017), do vereador Claudinho de Souza (PSDB), propõe regras de segurança a serem obedecidas na hora de abrir o portão às prestadoras de serviço.

Caso o PL seja aprovado, as empresas ficam obrigadas a fornecer informações de identificação sempre que exigidas. Sobre o agendamento, ele deverá ser feito em tempo hábil, com a oportunidade de escolha de data e horário. “O Projeto de Lei estabelece um procedimento de informação do consumidor com o respaldo do Poder de Polícia da Administração Pública a fim de garantir a segurança do munícipe”, explica Souza.

Segundo o autor, há um aumento no índice desse delito decorrente da facilidade com que os assaltantes conseguem entrar nos condomínios, fazendo uso, por exemplo, de disfarces para tentar entrar em áreas residenciais e comerciais.

“Alguns exemplos são oficiais de justiça, falsos policiais e amigos de moradores. Entre os mais comuns estão pessoas que se passam por “funcionários” das empresas de telefonia, assistência técnica e das companhias de água e energia elétrica”, cita o vereador no texto.

O PL foi aprovado em primeira discussão, e se aprovado em segunda discussão segue para a sanção do Executivo.

Acompanhe aqui outros Projetos em tramitação do vereador Claudinho de Souza. No link você também pode obter os canais de comunicação do parlamentar e participar diretamente do mandato com propostas, sugestões ou receber informativos por meio do formulário ‘Fale com o vereador’.

 

Veja também