Audiência em Itaquera debate propostas do Orçamento 2020 para região

Danilo Meira / CMSP

Audiência Pública sobre o Orçamento de Itaquera, Penha e Ermelino Matarazzo (09/11)

DANILO MEIRA 
DA REDAÇÃO

A Arena Corinthians, em Itaquera, sediou a quinta Audiência Pública regional do Orçamento 2020 da cidade, que debateu a proposta orçamentária apresentada pelo Executivo para as subprefeituras de Itaquera, Penha e Ermelino Matarazzo.

O documento apresentado pela Prefeitura no PL (Projeto de Lei) 647/2019, do Executivo, propõe a LOA (Lei Orçamentária Anual) para o ano que vem, estimando as receitas e as despesas da cidade. Essas subprefeituras contarão com alterações no orçamento, com redução de 17% e de 12% para Itaquera e Penha, respectivamente, e incremento de 6% para Ermelino Matarazzo.

Dentre as principais demandas apresentadas pelos munícipes, estão melhorias nas condições dos conjuntos habitacionais, adaptações para idosos e melhorias no viário, inclusive com a abertura de vias prometidas desde 2014, como a ligação entre as avenidas Mar Vermelho e Aricanduva. Foram apresentadas 33 demandas por escrito, uma das maiores participações da série de audiências públicas que têm debatido o Orçamento municipal.

O munícipe Antônio Gomes, que integra o Fórum para o Desenvolvimento da Zona Leste, cobrou mais recursos para a região. “Os recursos são pequenos e não atendem a todas as reivindicações. E isso repercute na queda da segurança e do bem-estar da comunidade”, disse Gomes.

Já a munícipe Luci de Oliveira ressaltou a importância da realização das audiências nos bairros, para aproximar a população do Poder Público. “A população nos procura, e passa as demandas que trouxemos para a audiência. A abertura para a participação popular é muito importante para isso”, afirmou Luci.

Danilo Meira / CMSP

Piscinões e outras melhorias

Presente ao evento, a vereadora Sandra Tadeu (DEM) ressaltou que cobrará mais recursos para Itaquera, Penha e Ermelino Matarazzo, atendendo a uma das principais queixas dos munícipes. “A região tem problemas há anos, como obras a serem terminadas. Então temos que lutar por melhorias, como piscinões. O projeto [do orçamento] será discutido e haverá mudanças para que não haja diminuições”, disse a vereadora.

Na mesma linha, o presidente da Comissão de Finanças e Orçamento, vereador Alessandro Guedes (PT), também afirmou que irá discutir o tamanho do orçamento dessas subprefeituras. “É um problema de todas as subprefeituras, especialmente as da periferia, que será discutido na Câmara”, disse Guedes.

O presidente da Comissão ressaltou o saldo positivo do debate. “A população tem aparecido, discutido e apresentado as demandas com muita qualidade, mostrando que conhecem os problemas. Vamos trabalhar para que sejam solucionados”, afirmou o vereador.

As próximas audiências do Orçamento 2020 serão realizadas na segunda-feira (11/11), às 10h30 e às 14h30, na Câmara Municipal. Acompanhe a agenda de audiências públicas aqui

Deixe uma resposta:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também