Liberação da pílula do câncer é discutida em audiência pública

MARGARETE RAPUSSI
DA WEB RÁDIO CÂMARA

A discussão sobre a aprovação na Câmara dos Deputados, nesta terça-feira, sobre o projeto que permite a fabricação, distribuição e o uso da fosfoetanolamina sintética, conhecida como “pílula do câncer”, foi tema de Audiência Pública da Comissão Permanente de Saúde, Promoção Social, Trabalho e Mulher nesta quarta-feira, na Câmara Municipal

Desenvolvida pela Universidade de São Paulo (USP) para o tratamento de tumor maligno, a substância é alardeada como cura para diferentes tipos de câncer, mas não passou por esses testes em humanos e não tem eficácia comprovada, por isso não é considerada um remédio.

Confira matéria completa da Web Rádio Câmara:

 

Veja também