Convite a promotor de Justiça do Ministério Público gera polêmica

Renatto d Sousa
Comissão de Finanças e Orçamento
Comissão de Finanças e Orçamento debateu a convocação do promotor José Carlos Brat para esclarecimentos sobre a Máfia dos Fiscais

 

A Comissão de Finanças e Orçamento aprovou cinco projetos de leis e nove requerimentos nesta quarta-feira (20/08); 17 projetos tiveram pedidos de vistas. Mas, entre os requerimentos, o que mais gerou divergências foi o de autoria do vereador Paulo Fiorilo, que convida o promotor de justiça do Estado de São Paulo, José Carlos Blat, para prestar esclarecimentos sobre a Máfia dos Fiscais, em relação aos fatos apurados pelo Ministério Público na Subprefeitura da Mooca.A Comissão inverteu a pauta do dia e votou primeiro o requerimento de convite ao promotor. O vereador e presidente da comissão Francisco Chagas (PT) e os vereadores integrantes da mesa, Netinho (PSDB), Milton Leite (DEM), Paulo Fiorilo (PT), Roberto Trípoli (PV) e Aurélio Miguel (PR) divergiram sobre o tema. Ao final, Netinho pediu vistas e o requerimento passou, então, a fazer parte da reunião da próxima semana.Buscamos ainda maiores informações para que a Câmara possa colaborar com o caso da 'máfia dos fiscais. Temos preocupação com o resultado do convite e não com a investigação, explicou o vereador Netinho.Segundo Fiorilo, com o pedido de vistas, a Comissão ganha mais alguns dias para reforçar o convite ao promotor. Insistiremos na próxima semana para que o requerimento seja aprovado. Queremos trazer mais informações para contribuir com o caso, ressaltou.

Imagens para download:
Renatto d Sousa
Comissão de Finanças e Orçamento
Renatto d Sousa
Comissão de Finanças e Orçamento

Veja também