Comissões e Movimento Creche para Todos realizam avaliação dos trabalhos durante o ano

RenattodSousa
Comissões e Movimento Creche para Todos realizam avaliação dos trabalhos durante o ano
A sociedade civil pode ser uma norteadora de prioridades auxiliando as ações do Legislativo e do Executivo, disse o vereador José Police Neto

 

Nesta quarta-feira ( 26/11),  representantes do Movimento Creche para Todos se reuniram com a assessora da Secretaria Municipal de Educação (SME), Rita Ribeiro, com a Comissões  Extraordinárias de Defesa dos Direitos da Criança, do Adolescente e da Juventude e com a Comissão dos Direitos Humanos, Cidadania, Segurança Pública e Relações Internacionais. O encontro avaliou as ações realizadas para resolver o problema de vagas nas creches do município.

O Movimento Creche para Todos é formado por entidades localizadas na zona Sul da Capital que ao perceberem uma alta demanda de mães em busca de vagas em Centro Educacionais Infantis (CEI) resolveram se organizar. Com o auxílio do Instituto Lidas, o Movimento conseguiu cadastrar e mapear as crianças que precisam de creches na região. E a partir de uma interlocução com o poder Legislativo, no dia 25/06, ficou decidido que seriam realizadas reuniões periódicas na Câmara Municipal para discutir o tema. 

Rita Ribeiro ressaltou que a SME sempre esteve disposta a ouvir e discutir as demandas e ainda explicou algumas dificuldades enfrentadas na implantação  de novas creches.“ Um problema sério que nós temos é a falta de espaço. A legislação prevê que o terreno para a construção dos prédios deve ter no mínimo mil metros quadrados. Em uma região como a zona Sul isso é bem complicado por causa das áreas de mananciais que são protegidas”, esclareceu Rita. Quando há necessidade de desapropriação o trâmite pode levar anos.
 
Neide Lopes, representante do Centro de Direitos Humanos e Educação Popular de Campo Limpo (CDHEP), acredita que uma das avaliações positivas das reuniões é o envolvimento da sociedade civil. “As famílias e jovens da periferia perceberam que há formas de participar das decisões políticas”, disse ela.
 
O vereador José Police Neto (PSDB) também elogiou a organização da população . “A sociedade civil pode ser uma norteadora de prioridades, auxiliando as ações do Legislativo e do Executivo”, comentou. 
 
Fazem parte do Movimento Creche para Todos as seguintes entidades: Ação Educativa; Associação Casa dos Meninos;  CDHEP de Campo Limpo; Fórum Jardim Irene; Instituto de Cidadania Padre Josimo Tavares; e Associação Internacional de Interesses à Humanidade Jardim Emílio Carlos e Irene.
 
Além da assessora Rita Ribeiro e do vereador José Police Neto participaram da reunião os vereadores Senival Moura (PT), Zelão (PT) e Juscelino Gadelha( PSBD).

Imagens para download:
RenattodSousa
Comissões e Movimento Creche para Todos realizam avaliação dos trabalhos durante o ano
RenattodSousa
Comissões e Movimento Creche para Todos realizam avaliação dos trabalhos durante o ano

Veja também