Comissão avalia propostas de emendas à LDO na área de Cultura

Luiz França/CMSP

Comissão estuda emendas à LDO na área de Cultura

NAYARA COSTA
DA TV CÂMARA

A Comissão de Estudos dos Recursos Destinados à Cultura avaliou as propostas de emendas à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) relacionadas à área.

De acordo com o novo membro da Comissão, vereador Toninho Vespoli (PSOL) é preciso manter atenção nos itens que não foram contemplados na LDO para que as diretrizes não se tornem genéricas.

Vespoli, que é membro da Comissão de Estudos, disse que as propostas mais importantes, como garantir 50% das verbas para a periferia ou o não congelamento da verba da Cultura, não passaram.

Representantes de movimentos culturais reforçaram a importância das metas do Plano Municipal de Cultura para que as políticas públicas contemplem as carências culturais da cidade.

Jesus dos Santos, integrante do Movimento Cultural das Periferias, lembrou que o Plano está sendo discutido há quatro anos. “E por que ele sobrepõe o Plano de Metas? Porque o Plano de Metas é da gestão e de uma visão de um determinado setor da sociedade. Então o Plano é muito mais amplo e conta com a participação de todos”.

Veja também