Pela primeira vez, em quase duas décadas, Conferência de Produção Mais Limpa e Mudanças Climáticas São Paulo será on-line

 

KAMILA MARINHO
HOME OFFICE 

A Conferência de Produção Mais Limpa e Mudanças Climáticas tem como objetivo intermediar o diálogo entre cidadãos, instituições, iniciativa privada e governo, para aprofundar a discussão sobre os três pilares da sustentabilidade (ambiental, econômico e social), além de propor políticas públicas e legislações de caráter mais objetivo e resolutivo. O evento, que acontece no dia 1 de junho, de 9h às 13h, será transmitido pela primeira vez pelas plataformas digitais.

O vereador Gilberto Natalini (PV) é o proponente e presidente da Conferência que está na sua 19ª edição. O parlamentar também é autor do PR (Projeto de Resolução) 4/2002 que deu origem à Lei para realização anual do evento voltado ao meio ambiente na capital paulista.

Este ano tem o tema será “São Paulo e a Emergência Climática”. A programação será aberta por uma mesa diretora, onde autoridades e entidades da sociedade civil irão expor ações focadas nas questões de sustentabilidade. A palestra magna será ministrada pelo professor e climatologista Carlos Nobre, em seguida terá uma mesa de debates composta por: José Antonio Marengo Orsini – coordenador-geral de Pesquisa e Desenvolvimento, do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), Ana Carolina Câmara- diretora do Projeto ProAdapta da  Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit  – GIZ e Henrique Gruspun- presidente do Centro de Bioética do Instituto Israelita Albert Einstein.

De acordo com Natalini, a proposta é gerar reflexões sobre como superar retrocessos e avançar novamente na trilha de tornar São Paulo uma cidade muito mais humana e sustentável.

“A Conferência P + L é um fórum de discussão municipal sobre ocupação do espaço urbano relacionado com o meio ambiente e sustentabilidade. 11 mil cientistas de 153 países se uniram para declarar Emergência Climática Global. Isso significa o aumento da vulnerabilidade e impactos à população, à biodiversidade e aos setores econômicos, na medida em que os eventos climáticos extremos, como chuvas intensas, ondas de calor, inundações e tantos outros, se intensificarem ainda mais. Os Governos estão fechando os olhos para as mudanças climáticas e no nosso caso, a cidade de São Paulo já sofre muito com impactos violentos.  Não há Planeta B! Esse ano, a Conferência será on-line, o que a torna ainda mais sustentável”, comentou o proponente do evento.

Serviço:

Tema: 19ª Conferência de Produção Mais Limpa e Mudanças Climáticas São Paulo

Dia: 01/06/2020

Horário: 9h às 13h

Como assistir:  Redes Sociais- facebook.com/gilbertonataliniSP  e no site www.natalini.com.br

Para se inscrever, clique aqui.

Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também