Escola do Parlamento realiza oficina sobre Orçamento

Luiz França / CMSP

Oficina Orçamento Público na Cidade de São Paulo

MARIANE MANSUIDO
DA REDAÇÃO

Com mais de 100 inscritos, a Escola do Parlamento da Câmara Municipal realizou, nesta segunda-feira (03/12), a oficina “Orçamento Público na Cidade de São Paulo”. O objetivo do evento foi promover a formação de cidadãos e gestores públicos sobre um tema diretamente ligado à dinâmica da administração pública municipal.

Segundo o gestor público Guilherme Nunes Pereira, que ministrou a oficina, as informações passadas no curso servirão para incentivar os cidadãos a fiscalizar o orçamento da cidade. “Focamos nos princípios do orçamento e nos instrumentos de planejamento que temos em São Paulo, para que os próprios cidadãos consigam consultar informações referentes aos gastos da Prefeitura. É importante entender de onde vem e para onde vão os recursos”, diz Pereira, graduado pela USP (Universidade de São Paulo) e mestrando em Políticas Públicas pela UFABC (Universidade Federal do ABC).

Formado em Ciências Sociais, Gustavo Fernandes diz ter decidido participar da oficina por causa da sua especialização profissional. “Durante a minha formação, trabalhei com orçamento dos estados brasileiros, então aprender a analisar esse tipo de dado é muito importante para mim”, diz Fernandes.

Segundo o diretor acadêmico da Escola do Parlamento, Mateus Novaes, foi o segundo ano que a Câmara acolheu a oficina, que é parte do programa Agentes de Governo Aberto, da Prefeitura de São Paulo. “É um ciclo de oficinas sobre assuntos que tratam da gestão pública. Discutir o orçamento, por exemplo, é importante não só para que o cidadão aprenda a fiscalizar, mas para que ele também se sinta mais à vontade com um tema que pode parecer muito difícil à primeira vista”, resume Novaes.

Deixe uma resposta:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também