Orçamento para Subprefeitura Mooca aumenta 15% este ano 

 

MARIANE MANSUIDO
HOME OFFICE

A Subprefeitura Mooca, que inclui os distritos de Água Rasa, Belém, Brás, Mooca, Pari e Tatuapé, na zona Leste, deve receber um orçamento 15% maior que o previsto no PL (Projeto de Lei) 643/2020, que estima as receitas e fixa as despesas da capital paulista para este ano, e que foi aprovado na Câmara Municipal de São Paulo no fim de 2020.

O projeto do Executivo destinava o montante de R$ 35,6 milhões inicialmente. Com as mudanças propostas na Casa e com a destinação de emendas parlamentares, a Subprefeitura Mooca deve receber um aporte maior em 2021, no total de R$ 40,9 milhões.

O valor poderá ser empregado na requalificação e promoção da ocupação dos espaços públicos, serviço de guias e sarjetas, operação de áreas verdes, entre outros serviços.

2 Contribuições

Salvador Campos

Considerando que a Mooca, é um dos bairros menos arborizados e de alta carga de particulados, é prudente um programa de arborização com árvores de porte e nativas.
O bairro foi gerido com outro olhar, e é providencial projetos voltados ao bem estar como um parque, assim como incentivos à coletivos como o da Horta das Flores.

Responder
Antonio Alberto Grilli

O coletivo Horta das Flores, deveria fazer parte obrigatoriamente dessa operação de áreas verdes. Os moradores da Moóca agradecem!!!

Responder

Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também