Orçamento destina R$ 549 milhões para Secretaria da Infraestrutura Urbana e Obras em 2021

MARCELO FIGUEIREDO
HOME OFFICE

A Proposta de Lei Orçamentária Anual (LOA) 2021, aprovada na Câmara Municipal de São Paulo em dezembro do ano passado, destinou R$ 549 milhões para a Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras executar os trabalhos no ano.

PL (Projeto de Lei) 643/2020 que tramitou na Câmara previa R$ 551,9 milhões para a pasta, mas houve uma redução de 0,53% após o remanejamento de verbas e destinação de emendas parlamentares, durante a discussão da proposta.

A Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras é responsável por fiscalizar contratos para execução de projetos viários, sistemas de drenagem, pavimentação geotecnia e geometria de vias, obras de construção e recuperação de infraestrutura.

Também estão sob as muitas incumbências desta pasta ações relacionadas a construção de edifícios públicos, ocupação do leito das vias públicas por equipamentos a serem implantados por entidades de direito público e privado, e obras de macrodrenagem, que consistem na construção de galerias, além de promover a contenção de margens de córregos, e prestação de atendimento emergencial em ocasiões de chuvas intensas.

Este é um espaço de livre manifestação. É dedicado apenas para comentários e opiniões sobre as matérias do Portal da Câmara. Sua contribuição será registrada desde que esteja em acordo com nossas regras de boa convivência digital e políticas de privacidade.

Nesse espaço não há respostas - somente comentários. Em caso de dúvidas, reclamações ou manifestações que necessitem de resposta clique aqui e fale com a Ouvidoria da Câmara Municipal de São Paulo.

 Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também