Instalação de CPIs e medidas de restrição na Câmara estão entre os Destaques da Semana

JOTA ABREU
HOME OFFICE

Foi realizada na terça-feira (2/3) a reunião de instalação da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) dos Aplicativos, com a eleição dos integrantes e aprovação de requerimentos. O presidente da CPI será o vereador Adilson Amadeu (DEM), para vice foi eleito o vereador Marlon Luz (PATRIOTA), e para relator o vereador Camilo Cristófaro (PSB). A CPI tem como objeto a investigação dos contratos das empresas por aplicativo que atuam no transporte particular de passageiros individual remunerado na cidade de São Paulo.

Também na terça, aconteceu a instalação da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) dos Animais, que investigará maus-tratos. O vereador Felipe Becari (PSD) foi eleito presidente, Ely Teruel (PODE) será a vice, e Rodrigo Goulart (PSD) foi escolhido para relator.

Em Sessão Plenária, na quarta-feira, a reestruturação do Conselho de acompanhamento do FUNDEB foi aprovada em primeira discussão. O objetivo do Conselho é fiscalizar a distribuição, a transferência e a aplicação dos recursos públicos vindos do Governo Federal pelo FUNDEB, com o intuito de promover melhorias na educação municipal.

Desde quarta-feira (3/3), a Câmara Municipal de São Paulo voltou a adotar novas medidas por conta do avanço da Covid-19 na capital paulista, com prazo inicial das restrições por 45 dias. Uma das principais mudanças é a proibição do acesso do público ao Legislativo paulistano. Será permitida apenas a entrada de dois funcionários e dois estagiários por gabinete. As Sessões Plenárias e as reuniões das comissões serão realizadas exclusivamente de forma virtual.

Acompanhe os Destaques da Semana no vídeo.

Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também