Contas da gestão Pitta do ano de 2000 são rejeitadas pela Câmara

RenattodSousa
Plenário
Mais pareceres do TCM relativos a balancetes da gestão Pitta estão pendentes de votação

 

Na sessão extraordinária desta quinta-feira (19/02), a Câmara Municipal de São Paulo aprovou parecer contrário do Tribunal de Contas do Município (TCM) às contas do prefeito Celso Pitta do ano de 2000, por 26 votos favoráveis, dois contrários e três abstenções.
 
Ao final da votação, o presidente da Câmara, vereador Antonio Carlos Rodrigues, informou que a decisão será encaminhada ao Ministério Público Estadual (MPE) para que sejam tomadas as providências legais para o caso.
 
A votação de mais dois pareceres do TCM relativos a contas da administração Pitta continuam pendentes.

Veja também