Frente Parlamentar Contra a Fome recebe presidente da UNIBES para falar sobre pandemia e solidariedade

KAMILA MARINHO
HOME OFFICE

Frente Parlamentar Contra a Fome realizou, na noite desta segunda-feira (10/5), o quarto encontro virtual do colegiado suprapartidário da Câmara Municipal de São Paulo. O tema discutido foi “São Paulo, Pandemia e a Solidariedade”. O debate foi coordenado pelas vereadoras Cris Monteiro (NOVO) e Janaína Lima (NOVO).

Entre os objetivos da Frente estão a discussão e elaboração de planos de ações para garantir alimentação adequada aos munícipes da capital paulista, além de estudar propostas para combater o desperdício de alimentos com o envolvimento de todos os parlamentares que compõem o Legislativo paulistano.

UNIBES

A convidada da noite desta segunda foi a presidente da UNIBES (União Brasileiro Israelita do Bem-Estar Social), Denise Antão. Ela trouxe um pouco da experiência de atuação da Instituição fundada em 1915 com a união de grupos e organizações que tinham o objetivo de ajudar imigrantes recém-chegados ao Brasil.

 A UNIBES atende crianças, adolescentes, idosos e famílias que vivem em situação de vulnerabilidade social na capital. A instituição atua para apoiar a educação escolar, desenvolver a autonomia, capacitar para o trabalho e disseminar o interesse pela cultura. Com o apoio de parceiros e doadores na manutenção de seis unidades de atendimento, um centro de distribuição e cinco bazares, a UNIBES realiza mais de 15 mil atendimentos às pessoas de dentro e de fora da comunidade judaica e as ajudam a transformar a sua própria história de vida.

Durante o evento online Denise agradeceu o apoio que tem recebido de tantos empresários e também da Prefeitura de São Paulo. Para ela, a parceria do público e privado é um caminho de sucesso. A instituição tem atendido às pessoas carentes com vários benefícios, como a distribuição de vale-alimentação, marmitas e cestas básicas. 

“Quando começou a pandemia, a primeira coisa que pensamos foi sobre o que iria acontecer com as pessoas assistidas pela UNIBES. A gente sabe que além de todo apoio que recebem com educação, eles também precisam de alimento. Durante a pandemia a gente se organizou e distribuiu cerca de 30 mil cestas básicas para essas pessoas”, comentou Denise. 

Palavra das parlamentares

A vereadora Cris Monteiro comentou que cada um pode fazer um pouco durante esse período de pandemia para ajudar no processo de superação da crise que o país está vivendo. “Todo mundo pode fazer um pouquinho, caso você não tenha condições de fazer pelo próximo, cuide de si, use máscara, se proteja. Já é uma grande ajuda à comunidade”,  disse a parlamentar. 

Já a vereadora Janaína Lima ressaltou a importância da união de todos no combate à fome e à pobreza. “Que a gente possa se unir para garantir o mínimo. É inadmissível que 17 pessoas possam morrer de fome hoje no Brasil. Não vamos ser omissos e nem cúmplices dessa situação”, afirmou a vereadora.

Participe

Para quem quiser participar da Frente Parlamentar contra Fome, basta acessar o hotsite no Portal do Legislativo paulistano ou enviar um e-mail para o endereço eletrônico: frentecontrafome@saopaulo.sp.leg.br

Clique aqui e confira a íntegra do bate-papo virtual. 

Uma Contribuição

Mary Márcia Gonçalves de Oliveira

A unibes realmente faz a diferença na vida das crianças e jovens da comunidade e muito relevante a diferença dos jovens que após o horário escolar vão para a unibes e os que ficam perambulando na rua convivendo com jovens e adultos que muitas das vezes não seguem uma boa conduta de vida !

Responder

Este é um espaço de livre manifestação. É dedicado apenas para comentários e opiniões sobre as matérias do Portal da Câmara. Sua contribuição será registrada desde que esteja em acordo com nossas regras de boa convivência digital e políticas de privacidade.

Nesse espaço não há respostas - somente comentários. Em caso de dúvidas, reclamações ou manifestações que necessitem de resposta clique aqui e fale com a Ouvidoria da Câmara Municipal de São Paulo.

 Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também