Janeiro Branco: Conheça o serviço on-line de saúde mental da rede municipal

IARA SILVA
HOME OFFICE

Criado durante a pandemia de Covid-19, o serviço de saúde mental on-line e por teleatendimento da Secretaria Municipal da Saúde dá suporte de forma remota a pacientes de todas as regiões da cidade. O serviço conta com cerca de 1.246 psicólogos e psiquiatras.

Desde a implementação, já foram mais de 163.410 teleatendimentos e a avaliação do público foi tão positiva que a Prefeitura anunciou que pretende manter o serviço mesmo após o fim da pandemia.

Para os interessados em receber atendimento, a secretaria orienta que é preciso realizar ao menos uma visita presencial prévia em um dos Ceccos (Centros de Convivência e Cooperativa), dos Caps (Centros de Atenção Psicossocial) ou das UBSs (Unidades Básicas de Saúde).

Rede Sampa On-line

Também de forma digital, o Rede Sampa – Saúde Mental Paulistana é um projeto da EMS (Escola Municipal de Saúde) por meio de parceria entre Ministério da Saúde e Prefeitura de São Paulo, que quinzenalmente apresenta lives com foco na saúde mental.

Inicialmente, o projeto era de capacitação de profissionais de saúde sobre tratamentos contra uso e abuso de drogas, mas posteriormente outros temas foram abordados como: Infância e Adolescência, Álcool e outras Drogas, Adulto e Crise e Redes de Atenção.

Após a pandemia, as ações do Rede Sampa se expandiram e atualmente a iniciativa mantém um Canal no YouTube, onde as lives são transmitidas, e perfis no Instagram e Facebook.

Para saber mais informações sobre os serviços de saúde mental da Rede Municipal de Saúde, acesse a página da Secretaria Municipal de Saúde.

Este é um espaço de livre manifestação. É dedicado apenas para comentários e opiniões sobre as matérias do Portal da Câmara. Sua contribuição será registrada desde que esteja em acordo com nossas regras de boa convivência digital e políticas de privacidade.

Nesse espaço não há respostas - somente comentários. Em caso de dúvidas, reclamações ou manifestações que necessitem de resposta clique aqui e fale com a Ouvidoria da Câmara Municipal de São Paulo.

 Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também