Com fase emergencial do Plano SP, cerimônia do Prêmio Sabotage 2020/2021 é adiada

MARCELO FIGUEIREDO
HOME OFFICE

Devido à fase emergencial do Plano São Paulo, que deve durar pelo menos mais duas semanas, a cerimônia do Prêmio Sabotage 2020/2021, que estava marcada para acontecer no próximo dia 19/3, foi adiada, sem previsão de nova data.

A decisão se deve pelo fato da simbologia desse prêmio estar atrelada principalmente à ocupação de espaços públicos, ainda que somente pelos finalistas. Em vigor desde o dia 3 deste mês, o ato 1504/2021, instituiu medidas mais restritivas na Câmara Municipal de São Paulo para ajudar a frear a circulação do vírus. Entre elas está a suspensão do acesso ao público no Palácio Anchieta e a realização de Sessões Plenárias e reuniões de comissões exclusivamente pelo sistema remoto.

Os vencedores das quatro modalidades do Hip Hop contempladas pelo prêmio (DJ, MC, Graffiti e Breaking) serão conhecidos em cerimônia com data a ser definida e divulgada previamente. Foram 116 inscritos na edição de 2020/2021 e os premiados escolhidos por uma comissão composta por cinco jurados com notório saber sobre as quatro modalidades contempladas.

Conheça abaixo a lista de finalistas do Prêmio Sabotage 2020/2021:

Breaking:

B. Boy Jotta (Dionatan Araujo)
Funk Fockers, grupo composto por: Mixa, Onnurb, Klinger ‘HP’ Anakleto, Daniel, Zoio, Indio, Leon, Luan San e Thiaguin
Style Crew 1994 HipHop Elemento, composto por: Aranha, Binho, Pinta, Pituka, Pyu e Kastor

Disk Jockey (DJ):

DJ Faul (Vinícius Faustino)
DJ Paul (Paulo Rogerio Benedicto)
DJ Zeme (Rosemeire Reis)

Graffiti:

Dinas Miguel
Shock Maravilha (Elton Luis de Carvalho)
Tody One (João Paulo de Alencar)

Mestre de Cerimônia (MC):

Fla Neves (Flaviana Neves de Oliveira)
Marcello Gugu (Marcello Dolme)
Preto Will (William Santos)

Sobre o prêmio

O prêmio foi criado em homenagem ao rapper Sabotage, cantor, compositor e ator que encontrou no rap a saída para o mundo do crime, tornando-se um protagonista no cenário cultural e musical, além de ele mesmo ter recebido vários prêmios ao longo de sua carreira.

A Câmara Municipal de São Paulo, considerando a importância do Movimento Hip Hop no processo de inclusão social, musical e cultural e a sua inserção junto aos jovens na cidade de São Paulo, instituiu o Prêmio Sabotage para reconhecer publicamente o trabalho de artistas que se destacam no cenário do Hip Hop do município.

Este é um espaço de livre manifestação. É dedicado apenas para comentários e opiniões sobre as matérias do Portal da Câmara. Sua contribuição será registrada desde que esteja em acordo com nossas regras de boa convivência digital e políticas de privacidade.

Nesse espaço não há respostas - somente comentários. Em caso de dúvidas, reclamações ou manifestações que necessitem de resposta clique aqui e fale com a Ouvidoria da Câmara Municipal de São Paulo.

 Deixe a sua contribuição:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também