Fale com seu vereador

Biografia

Rinaldi César Digilio nasceu em 24 de abril de 1975, em São Paulo. É pastor desde os 16 anos de idade e formado em Direito pela Universidade Braz Cubas. Foi secretário estadual de Comunicação da Igreja do Evangelho Quadrangular, secretário nacional de Juventude da Quadrangular e um dos fundadores da Quadrangular Família Global. É idealizador do movimento Inconformados, que reuniu 20 mil jovens, sendo considerada uma das maiores conferências cristãs do Brasil.

Além da atuação na comunidade cristã, Rinaldi Digilio desenvolveu ainda trabalhos importantes junto a movimentos e lideranças populares, com diferentes ações sociais que beneficiam comunidades carentes não só da capital paulista, mas em todo o Brasil. Entre os trabalhos estão duas unidades da Comunidade Terapêutica, casas de reabilitação de dependência química, que atendem mais de 100 pessoas com equipes multidisciplinares.

Na Igreja do Evangelho Quadrangular, Rinaldi Digilio liderou as campanhas de arrecadação de R$ 100 mil doados para vítimas das enchentes de Santa Catarina em 2008 e mais R$ 184 mil encaminhados como auxílio financeiro, além de roupas e alimentos, em 2011, para os afetados pelas chuvas em Teresópolis, Petrópolis, Sumidouro e Nova Friburgo, no Rio de Janeiro. Em 2015, após o rompimento da barragem de rejeitos de minério da Samarco, na cidade mineira de Mariana, ele mobilizou mais 30 carretas com 500 mil litros de água para ajudar as famílias atingidas.

Candidato pela primeira vez a um cargo público em 2016, Rinaldi Digilio obteve 20.916 votos e foi eleito vereador da cidade de São Paulo pelo Republicanos. Foi empossado vereador no dia 1º de janeiro de 2017 e apresentou mais de 170 projetos de lei no primeiro mandato, sendo considerado pelo site Tudo Ok!, de Brasília, o oitavo vereador mais produtivo do Brasil.

Considerado o vereador dos autistas de São Paulo, foi o único da história a aprovar três leis em defesa dos autistas em apenas um mandato. É autor da lei que obriga a realização de sessões de cinema adaptadas para autistas, criou a lei que obriga a inclusão do autismo nas placas de atendimento preferencial e fez a Política Pública Municipal para Garantia, Proteção e Ampliação dos Direitos das Pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA).

Vereador conservador e vereador de Direita, Rinaldi Digilio, barrou a aprovação de mais de 50 leis e proposituras que visavam destruir os valores cristãos e da família tradicional.

Vereador cristão e integrante da bancada cristã conquistou espaços para a música gospel na programação cultural da cidade de São Paulo, com destaque para o palco exclusivo e inédito para a música cristã nas edições de 2018 e 2019 e a aprovação de projetos para ajudar as igrejas, como a Lei da Anistia e o Programa de Parcelamento Incentivado (PPI).

Em março de 2020, filiou-se ao Partido Social-Liberal (PSL) e se tornou líder da bancada na Câmara. Em 15 de novembro, foi reeleito vereador para um novo mandato até 2024, com 13.673 votos, o mais votado de seu partido.
Nota: Este texto foi produzido por e é de responsabilidade do gabinete de Rinaldi Digilio.