Fórum de Educação Integral

Educação Integral e Democracia: uma agenda positiva para a Educação nacional

 

Objetivos: fortalecer o debate sobre a Educação Integral na Rede municipal de educação da cidade de São Paulo; aprofundar o conhecimento e o debate a respeito dos sentidos do direito à educação, da democracia e da democratização; refletir sobre as relações indissociáveis entre a Educação Integral e a democracia; trocar experiências com outras Redes municipais que se organizam a partir da concepção da Educação Integral; possibilitar o debate entre profissionais da educação de Redes municipais distintas, reconhecendo as especificidades culturais, geográficas e sociais de cada município; contribuir para alcançar os resultados esperados do projeto 25: São Paulo Educadora, do Plano de Metas da Cidade de São Paulo 2017-2020.

Vagas: 160

Público alvo: Agente de Apoio, Agente Escolar, Assist. de Diretor de Escola, Coord. Pedagógico, Diretor de Escola, Prof. de Educação Infantil, Prof. Ed. Infantil e Ensino Fundamental I, Prof. Ensino Fundamental II e Médio, Supervisor Escolar.

21 de agosto e 06 de novembro – das 9h às 13h

Sala Sérgio Vieira de Mello

Inscrições: encerradas

 

Programação:

21 de agosto
9h às 9h30 – Abertura e apresentação cultural VOPO – Vozes Poéticas (EMEF Paulo Carneiro / DRE JT)

9h30 às 11h30
Mesa: Educação Integral e Democracia: uma agenda positiva para a educação nacional
Palestrantes:
Daniel CaraDoutorando em Ciência Política (USP) e Coordenador Geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação
Maria do Pilar LacerdaDiretora da Fundação SM/Brasil, ex-Secretária Nacional de Educação Básica do Ministério da Educação (2007 a 2012)
Mediação: Yuri Scardino – Professor EMEF Assad Abdalla

11h30 às 13h – Palavra aberta, informes e encaminhamentos

 

Palestrantes:

Daniel Cara – Doutorando em Educação (PPGE-FE/USP) e mestre em Ciência Política (PPCP-FFLCH/USP), foi membro da direção da Campanha Global pela Educação (2007-2011) e do Comitê Diretivo da Campanha Latino-americana pelo Direito à Educação (2009-2012). Em 2015, foi delegado oficial brasileiro no Fórum Mundial de Educação (UNESCO/ONU – Incheon, Coreia do Sul), e vencedor do Prêmio Darcy Ribeiro 2015, concedido pela Câmara dos Deputados, em nome do Congresso Nacional.

Maria do Pilar Lacerda Almeida e Silva – Na gestão pública, foi Diretora do Centro de formação de Professores da Prefeitura da Cidade de Belo Horizonte, Secretária municipal de Educação de Belo Horizonte (2002 a 2007), Presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime 2005 a 2007) e Secretária Nacional de Educação Básica do Ministério da Educação (2007 a 2012); atualmente, é Diretora da Fundação SM/Brasil.

Cristiana Mercadante Esper BerthoudSecretária de Educação do Município Estância Turística de Tremembé

Márcia Calçada KohatsuMembro presidente da Comissão Interna de Políticas de Educação Integral da Rede municipal de Santos, membro gestor do Fórum Municipal de Educação Integral para Cidades que Educam, membro do Grupo de Pesquisa sobre Educação Integral – GPEI da PUC-SP, membro consultivo da Organização Mundial Educação Pré-escolar da Baixada Santista (OMEP-BS).

Agda Sardenberg – Articuladora institucional da Associação Cidade Escola Aprendiz e autora de diversos artigos relacionados a metodologias de ensino-aprendizagem na perspectiva da Educação Integral.

Yuri Scardino  – Coautor do documento Programa São Paulo Integral: construir novos caminhos pedagógicos e foi membro da Coordenação do Programa São Paulo Integral da Secretaria Municipal de Educação (2015 – 2017).