Solenidade celebra os 90 anos do líder cubano Fidel Castro

2016-08-19-Homenagem aos 90 Anos de Fidel Castro-Abueno1241ABRE

Sessão solene reuniu autoridades e admiradores do líder da Revolução Cubana
Foto: André Bueno / CMSP


JENIFFER MENDONÇA
DA REDAÇÃO

A Câmara Municipal realizou nesta sexta-feira (19/8) sessão solene em homenagem aos 90 anos de Fidel Castro. Presidida pelo vereador Jamil Murad (PCdoB), a cerimônia aconteceu no Plenário 1º de Maio e contou com a presença de autoridades e admiradores do líder da Revolução Cubana de 1959.

Os presentes ouviram, após a audição do hino nacional brasileiro, o hino cubano e acompanharam a exibição de um clipe de música intitulado ‘Un hombre que sueña’ para iniciar a solenidade.

Nelida e Frei Beto2016-08-19-Homenagem aos 90 Anos de Fidel Castro-Abueno1198MIO1237

Consulesa geral da República de Cuba, Nélida Hernández Carmona, e o teólogo Frei Betto

“Fidel Castro representa um símbolo de libertação para todos nós da América Latina, quiçá para todo mundo, para todos aqueles que lutam contra a opressão, pela liberdade, por um mundo de paz e de socialização dos bens. Ele é o primeiro revolucionário a chegar aos 90 anos, não há nenhum precedente”, declarou o escritor e teólogo Frei Betto.

A consulesa geral da República de Cuba, Nélida Hernández Carmona, comentou que, apesar de divergências ideológicas, é preciso “reconhecer todos os avanços que atingem o povo cubano” graças à atuação de Castro.

Ela também apontou a conexão com os brasileiros e a importância do reconhecimento. “O Brasil foi um dos primeiros países que Fidel visitou quando fez a revolução. Sempre tivemos um vínculo especial com o povo brasileiro, a não ser na época da ditadura de 1964, em que foi rompida, mas uma vez que voltou a democracia a este país, se estabeleceram novamente as relações.”

O vereador Jamil Murad complementou a consulesa destacando os feitos do homenageado, que presidiu Cuba de 1976 a 2008, e lembrou do Programa ‘Mais Médicos’ do Governo Federal. “Fidel é um líder político que retirou do poder um ditador corrupto. Conscientizou, mobilizou seu povo e construiu um país com independência e soberania. Desenvolveu tecnologia que produz vacinas e vende para o mundo inteiro, inclusive para o Brasil. Fidel Castro recebeu toda a oposição possível, mas mesmo assim se desenvolveu. Não existe analfabetismo em Cuba. Eles formam médicos que trabalham aqui no Brasil, mas também formam jovens norte-americanos pobres que estudam medicina lá, assim como brasileiros que vão pra lá e voltam ao Brasil.”

12 Comments

Pedro Amorim Borges

ABSURDO! FIDEL E TODA TRUPE SÃO ASSASSINOS! HIPÓCRITAS!

Luiz Augusto Módolo de Paula

Eu vou imitar a Caneta Desesquerdizadora e vou corrigir a notícia do site da Câmara Municipal de São Paulo (o que estiver em MAIÚSCULA É MEU!). Câmara Municipal de São Paulo, NA FALTA DE ALGO MELHOR PARA FAZER, OFENDE VÍTIMAS E celebra os 90 anos do DITADOR GENOCIDA, ASSASSINO E CAPITÃO-DO-MATO cubano Fidel Castro.
Isto é um escárnio absoluto! Apenas mostra a ausência de valores de muitos dos nossos líderes. Ninguém merece! Eu não sou de ficar falando de bicho-papão nem de assustar ninguém, mas uma classe de políticos que bajula a cleptocracia cubana merece apenas tomar uma surra nas urnas neste ano e quem sabe se animar a procurar um emprego em meio à crise que eles próprios criaram!!!

´Denise Andreoli

A Câmara Municipal pertence ao povo de São Paulo e não ao PT, PSol et caterva. O povo de São Paulo NÃO PRESTA HOMENAGEM A TIRANOS COMUNISTAS. Exigimos que os responsáveis por mais essa afronta sejam exemplarmente punidos com a perda do mandato e inelegibilidade.

Maria Aparecida Godoi

Não aceito homenagem a um assassino com o meu dinheiro!!!

Cláudio Mussio

Uma vergonha homenagear um homem que mandou milhares de pessoas para o paredão. Os vereadores envergonham os paulistanos.

Obdalia Domingos

O que faz uma Camara Municipal homenagear um ditador de outro pais que nada tem a ver conosco. Alem disso destinando recursos para isto. Com tantas dificuldades que o povo passa, nao teriam os srs vereadores algo mais util para gastar seu tempo e os recursos da câmara?

Fernanda Beraldo Michelazzo

Um absurdo essa homenagem! Um assassino em nome de uma ideologia, matou milhões no paredão, inclusive os homossexuais! Tirou o povo de uma ditadura e fez outra! Não há analfabetismo e tão pouco liberdade! O povo passa fome evive na miséria! Essa câmara nos envergonha e não nos representa!

Fernanda Beraldo Michelazzo

As eleições estão aí e a resposta será nas urnas! VERGONHA!!!

Paulo

Essa homenagem foi simplesmente promiscua,absurda,indecente e imoral. Num dia de trabalho se prestar a uma atitude dessas. Nós não pagamos os deputados pra homenagear ditador e assassino. Vergonhoso. Um partido de esquerda homenageando na casa do povo democrático um ditador.

arnaldo jose dionisio

homenagear assassino? Mas o que é isso? Isso é mais uma prova de que tem gente ocupando cargos sem a capacidade de discernir o certo do errado, o fato e, o duvidoso. Vocês envergonham a nação perante o mundo reverenciando assassinos pederastas. E eu sei por que. É aquela velha frase. Diga-me com quem andas e, eu te direis que és. Homenageando um assassino vocês se tornaram cúmplices. Isso é mais do que vergonhoso, isso é caso de polícia. A nação está de olhos bem abertos e é bom que muitos de vocês já comecem a se despedir de seus cargos públicos por que muitos de vocês jamais voltarão a vida publica.

Comentários estão fechados

Veja também