Reintegração de posse na Comunidade do Cimento será tema de audiência pública

DA REDAÇÃO

A Comissão Extraordinária de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania realizará, nesta quinta-feira (11/4), audiência pública para apurar as informações relatadas pelos moradores sobre a reintegração de posse e o incêndio na comunidade do Cimento, na Mooca, zona leste da cidade, no mês de março passado.

Representantes das famílias desabrigadas denunciaram à Comissão de Direitos Humanos, em reunião há duas semanas, alguns casos de violência policial durante a reintegração realizada pela Prefeitura de São Paulo, um dia após o incêndio no local.

Os moradores também relataram aos parlamentares a falta de assistência para encaminhar os desabrigados aos CTAs (Centros Temporários de Acolhimento).

Foram convidadas para participar da audiência as secretarias municipais de Assistência e Desenvolvimento Social, das Subprefeituras, de Habitação e de Educação. A comissão também convidou representantes da Subprefeitura da Mooca, AMLURB (Autoridade Municipal de Limpeza Urbana), Corpo de Bombeiros e Comando Geral da Polícia Militar.

O Ministério Público de São Paulo deverá acompanhar o debate, juntamente com o Núcleo Especializado de Infância e Juventude, da Defensoria Pública do Estado de São Paulo.

Serviço

Tema: Violação dos Direitos Humanos na Comunidade do Cimento
Data: 11/04/2019
Horário: 13h
Local: Câmara Municipal de São Paulo, Sala Sérgio Vieira de Melo – 1º subsolo

One Comment

Deixe uma resposta:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também